Escola Municipal Professora Isolina Leonel Ferreira

INFORMAÇÕES

Diretor: Cláudia Maria Ferreira Miyamoto
Endereço: Rua Paraíba, s/n
Bairro: Jardim Helena
CEP: 18301-110
Telefone: (15) 3542 2260
E-mail: escolaisolinacb@gmail.com
DESTAQUES
HISTÓRICO

A Senhora Professora Isolina Leonel Ferreira, nasceu em Itapetininga/SP em 15 de Dezembro de 1900; filha do Sr. Ovídio Leonel Ferreira e Sra. Sebastiana Martins Vieira.

Casou-se com o Sr. Pedro Cesarino Barreto, natural de Capão Bonito, em 20 de fevereiro de 1920, com quem teve cinco filhos: João Cesarino Barreto- Capitão do exercito, já falecido, Celina Leonel Barreto da Silva, professora, residente em Itapetininga; Wilma Aparecido Barreto Niaradi, professora, residente em São Paulo, nascida em Capão Bonito, Anna Maria Leonel Barreto Leite de Almeida, professora, residente em Itapetininga, nascida em Capão Bonito, José Roberto Leonel Barreto da Silva, Artista plástico, nascido em Capão Bonito.

Iniciou sua carreira no magistério pelo Decreto de 17/05, publicado a 18/05/23 para reger a 1ª escola mista Rural de Jorgetania (Usina Miranda), em Piraju (SP), com inicio de exercício em 26/05/23.

Na Revolução Constitucionalista de 1932, residente em Guapiara/SP, cooperou com os combatentes Paulistas, cuidando dos soldados feridos trazidos para a igreja de São José, Igreja matriz, onde recebiam os cuidados necessários.

Removida por concurso, Decreto de 30/01/40, publicado a 01/02/40, para o grupo Escolar de Capão Bonito, EEPG “Profª Dona Jacira Landim Stori”.

No antigo grupo escolar de Capão Bonito/SP, colaborou marcando época na cidade, promovendo apresentações teatrais com participação dos próprios alunos, organizando o canto orfeônico escolar, campanha entre os comerciantes para melhorar a sopa escolar do colégio, arrecadando agasalhos e material didático para os alunos carentes. Durante todos esses anos, exerceu um trabalho intenso que contribuiu para formar, em torno de seu nome, uma reputação das mais honrosas, conhecidas em todos os lugares onde exerceu sua árdua profissão.

Dedicada professora, procurou fazer da escola, um lar fraterno e cristão, deixando vínculos de profundas amizades dentre mestres e alunos, tornando-se querida de todos.

Em 1957, a profª Isolina Leonel Ferreira aposentou-se, vindo a falecer em 16 de janeiro de 1963, deixando um nome, uma glória e uma saudade com magníficos exemplos, criando a tradição de educadores dedicados, hoje notória em sua família.

O ato de denominação da Escola recebendo o nome da Profª Isolina Leonel Ferreira foi publicado no DOE no dia 26/03/1999.




Galeria de Fotos


Projetos Educacionais